Câncer de Tireoide

A tireoide é uma glândula localizada no pescoço, em um formato parecido com o de uma borboleta. Componente do sistema endócrino, é responsável pela produção dos hormônios T3 (triiodotironina) e o T4 (tiroxina), fundamentais para o metabolismo do corpo, e ajuda a regular órgãos como coração, cérebro, fígado e rins.

 

Nódulos na tireoide são bastante comuns, resultado do crescimento acelerado de células no órgão. Em 95% dos casos, esse nódulo é benigno.

No caso de ser identificado câncer de tireoide, os tipos de classificação são:

  • Carcinoma papilífero – Corresponde a 80% a 90% dos casos. É pouco agressivo e mais frequente em mulheres jovens. Geralmente afeta um dos lobos e, em 10% a 50% dos casos, pode crescer nos dois lados. Pode ser causado pela exposição excessiva à radiação e alguns casos (menos de 5%) são familiares. Costuma ser diagnosticado durante exames de rotina.

  • Carcinoma folicular – Responsável por menos que 5% dos casos, assemelha-se ao papilífero no tratamento e costuma crescer lentamente. Mais comum em lugares onde a dieta é deficiente em iodo, caso cresça pode atingir órgãos como pulmão ou os ossos.

  • Carcinoma medular - Representa menos que 5% dos tumores de tireoide. Dividido em dois tipos: Esporádico e Familiar, sendo este resultado de síndromes hereditárias que correspondem a 20% dos casos.

  • Carcinoma anaplásico – Presente em apenas 1% dos casos, é um dos mais agressivos. Seu crescimento rápido causa a obstrução da traqueia e dificulta a respiração.

  • Outros tipos – Existem ainda tipos mais raros de câncer de tireoide, como linfomas e sarcomas.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), a estimativa é de 9.610 novos casos de câncer de tireoide no Brasil em 2019, sendo 1.570 homens e 8.040 mulheres, sendo o 5º tipo mais comum no sexo feminino.

Tipos de Câncer

Para conhecer mais sobre os tipos de câncer da região da cabeça e pescoço, prevenção, fatores de risco, sintomas, diagnóstico e tratamento, selecione abaixo a opção.

arrow&v